Pesquisa de Notícias Mês: Ano: Assunto:

Ginástica

01/11/2017

Brasil conquista 13 medalhas no Pan-Americano e na Copa Colômbia de Ginástica Aeróbica

Ginastas representaram o País nos últimos dias no Centro de Alto Rendimento de Bogotá, na Colômbia
Luamar Martin
Felipe Alvarez/Fedecolgim

Da redação, Santo André (SP) - O Brasil teve um ótimo desempenho no Pan-Americano e na Copa Colômbia de Ginástica Aeróbica. Ao todo, o País conquistou 13 medalhas e ainda ficou com o primeiro lugar por equipes na categoria adulta. As duas competições terminaram no último domingo (29) no Centro de Alto Rendimento de Bogotá, na Colômbia. 

Pelo Pan-Americano, foram nove conquistas. Na categoria adulta (acima de 18 anos), o Brasil fez a dobradinha no pódio das duplas. Lucas Barbosa e Tamires Silva terminaram com o ouro (21,450), e Luamar Martin e Paulo Santos ficaram com a prata (20,750).

No individual masculino, Lucas Barbosa foi prata (21,400), e José Oliveira conquistou a medalha de bronze (19,750). Outro bronze veio na disputa dos trios. José Oliveira, Maelton Siqueira e Marcelo Martins acabaram em terceiro com 20,200. Já no Aerodance, a equipe brasileira, formada por Adrielle Lopes, Caroline Santos, Christian Andrade, Edson Nunes, José Henrique Oliveira, Maelton Siqueira, Marcelo Martins e Maria Eduarda Almeida, ficou com a prata (17,250).

Na categoria Juvenil (15 a 17 anos), foram dois ouros. Luana Barreira fechou em primeiro no individual feminino (19,600), enquanto o trio brasileiro, formado por Luisa Kubiak, Ana Auricchio, Mari Garcia e Gabriela Lopes, subiu no lugar mais alto do pódio com 18,600. Já na disputa do Infantojuvenil (12 a 14 anos), Manoella Aparecida levou a prata no individual feminino ao somar 18,500.

Na Copa Colômbia, o Brasil conquistou outras quatro medalhas. No adulto, Mário Júnior terminou em segundo lugar (16,900) no individual masculino. Na categoria desenvolvimento, Lara Caneca foi ouro no individual feminino (16,650), assim como a dupla Thiago Hashimoto e Katerine Hildebrand, enquanto o trio Maria Eduarda Bebiano, Isabella Duarte e Lara Pedro terminou com o bronze (16,200).

A coordenadora da ginástica aeróbica da Confederação Brasileira de Ginástica (CBG), Maria Eduarda Poli, fez um balanço positivo da participação brasileira em solo colombiano. "Foi uma competição maravilhosa. Parabéns ao Brasil e ao apoio de sempre da CBG. Parabéns à Federação Colombiana pela organização e à União Pan-Americana pela realização deste maravilhoso evento com cerca de 350 ginastas. O Brasil brilhou muito. Só agradecimentos aos treinadores e ginastas brasileiros que conquistaram muitas medalhas numa competição de altíssimo nível técnico", disse.

Rua Belém, 322 – Vila Assunção – Santo André(SP) – Cep 09030-120 | Telefone: (11) 4438-8200
Plantão: (11) 9 7653-7957
©GANegócios do Esporte - 2009 - Todos os Direitos Reservados | Criação de sites: PWI Web Studio